segunda-feira, dezembro 7

Exemplos...


Correr pelo campo ensolarado de girassóis;

Dançar na chuva sem medo de resfriados;

Abrir os braços para sentir o vento me abraçar;

Rodopiar mil vezes até cair sem sentir dor;

Impulsionar o balanço com toda força;

Chorar até colocar todas as dores para fora;

Pular o mais alto possível, quantas vezes aguentar;

Sorrir aberto, com o coração disparado e a alma leve;

Ter macio o chão sob meus pés e leve o ar ao meu redor;

Ouvir doces e alegres melodias,

Poder dançá-las sem errar o passo

...

Estar com você é ter vários exemplos de como posso, presa às tuas asas, voar a liberdade do amor.

3 comentários:

Paulo Vitor Cruz disse...

mais q belo, inspirador... bom saber do seu retorno, coleguinha... acabei q só passei por aqui hoje...

*q o blog não pare mais...

abs-ão.

William Andreos disse...

Minha querida irmã gostei desse poema me fez meditar algumas coisas pensar um pouco na vida.obrigado pelo carinho.bjs te amo

poemas sem brio disse...

esse 1 mi lembro pessoa....
é a 2° vez q vejo a simplicidade
pintada em seus poemas...muito legal...